Winston Churchill disse que os "fascistas do futuro chamarão a si mesmos de antifascistas" ?

Suposta frase de Winston Churchill circulou pelas redes sociais após manifestações de antifascistas realizadas em São Paulo


Depois da manifestação de domingo (31) na Avenida Paulista, quando ocorreu um ato antifascista reunindo torcidas organizadas de clubes paulistas contra o governo federal, partidários do presidente Jair Bolsonaro passaram a compartilhar, nas redes sociais, uma frase atribuída ao ex-primeiro-ministro britânico Winston Churchill: "Os fascistas do futuro, se chamarão a si mesmos de antifascistas" [sic].

Print do Twitter.

Entre as pessoas que compartilharam tal frase estão dois de seus filhos: o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos) e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL). Este escreveu juntamente com a imagem a frase: “Winston Churchill, o primeiro-ministro do Reino Unido durante a 2ª Guerra Mundial. Mais profético impossível!” (ver print acima).


Pesquisa


Sir Winston Leonard Spencer-Churchill (1874-1964) foi um político britânico conservador, conhecido por liderar o Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Ocupou o cargo de primeiro-ministro por duas vezes: durante os anos de 1940 a 1945, e depois entre os anos de 1950 e 1955. Além disso, atuou como Secretário de Estado para as Colônias, Chanceler do Tesouro e Ministro da Defesa. Por conta de seus serviços à nação, Churchill é considerado um estadista de grande prestígio pela maioria da população britânica.


Segundo a Internacional Churchill Society (ICS), instituição fundada em 1968 com o intuito de preservar a imagem e o legado do político, não há registros de que Winston Churchill tenha dito isso. Esse equívoco já havia sido desmentido em 2018, quando o governador do Texas, Greg Abbot (Partido Republicano) atribuiu a mesma frase ao britânico. Na ocasião, David Freeman, editor do Churchill Bulletin (newsletter da ICS) se pronunciou assim: "A frase não é uma das que já foi documentada como tendo sido dita ou escrita por Churchill. Churchill criticava os dois extremos do espectro político". De acordo com outra instituição ligada à memória do político, o National Churchill Museum, não há essa frase entre as mais de 15 milhões de palavras do ex-primeiro-ministro que foram catalogadas.


A mesma frase já foi atribuída ao escritor português José Saramago (1922-2010). Entretanto, a Fundação José Saramago afirmou no Twitter que “a mencionada frase não foi escrita ou dita por José Saramago".


Churchill realmente criticou correntes políticas que ele considerava extremistas. Segundo uma matéria jornalística, o político britânico teria comparado socialismo e fascismo, em 1937, dizendo que eram “o polo sul e o polo norte. Eles estão nos extremos opostos da Terra, mas se você acordar em um deles amanhã, você não saberá qual é qual”. Churchill provavelmente fazia referência aos regimes totalitários da época, sugerindo que houvesse coisas em comum entre o stalinismo e o nazifascismo. Vale ressaltar que o Reino Unido de Churchill se aliou à União Soviética de Josef Stalin, durante a Segunda Guerra Mundial, para combater o nazifascismo. Outra ressalva importante é que o termo "antifascismo" não é sinônimo de socialismo. Historicamente, as ações antifascistas congregaram diferentes correntes ideológicas à esquerda, como comunistas, anarquistas, socialdemocratas e outros grupos que se opuseram ao nazifascismo.


No exterior, a prática de atribuir frases a figuras famosas, sendo Churchill uma evocação frequente, tem se tornado tão comum que o escritor britânico Nigel Rees cunhou o termo Churchillian drift para esses casos (em referência a Winston Churchill). Outra frase que também foi atribuída ao político é “os americanos sempre farão a coisa certa depois de esgotarem todas as alternativas”, proferida pelo ex-presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos Paul Ryan (Partido Republicano).


Conclusão: LOROTA!


Não há nenhuma comprovação de que a frase “os fascistas do futuro se chamarão a si mesmos (sic) de antifascistas” tenha sido dita por Churchill. As fontes e referências pesquisadas, somadas à atribuição das mesmas palavras a outras personalidades, nos permitem assegurar que a frase é só mais um hoax do gênero Churchillian drift.


Pesquisa e redação: Leonardo Kröhling

0 visualização

Todas as imagens de livros, filmes, séries, jogos,  ou qualquer criações visual autoral são de seus respectivos proprietários.

Copyright Máquina dos Tempos. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do maquinadostempos.com. Para reproduzir qualquer conteúdo, entre em contato conosco: maquinadostempos@hotmail.com

O Máquina dos Tempos traz para você as histórias que moldaram o mundo através dos tempos. Com compromisso ético e científico, pretendemos fazer a análise e o debate histórico algo divertido e de amplo alcance. Por meio de um canal livre e aberto, entre diversos historiadores e historiadoras do Brasil.

Receba nossas atualizações

Preencha o formulário com seu e-mail e nome e receba e seja notificado sempre que o Máquina dos Tempos lançar novos conteúdos.

SIGA-NOS

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
Logo - Máquina dos Tempos
Logo - Máquina dos Tempos